Chuvas seguem no Paraná: veja a previsão até quarta em todo o país!
Segunda, 22 de Outubro de 2018 às 10:09
Segundo a meteorologia, apesar dos volumes são serem muito grandes as frentes frias não darão trégua para a região Sul. No Sudeste e Centro-Oeste tempo seco também não deve durar

A semana começa com muita nebulosidade em Roraima e com instabilidades mais fortes, várias descargas elétricas, inclusive no no centro de Mato Grosso. Na última madrugada, em menos de 4 horas, o município de Campo Novo do Parecis registrou mais de 70 milímetros acumulados. Tudo por conta da alta umidade e do calor. No leste baiano há mais nebulosidade do que chuva, por enquanto, devido à passagem de uma frente fria.

Segunda-feira

SUL

A semana começa com predomínio de sol na região Sul. A massa de ar frio vai embora e o dia amanhece com temperaturas mais elevadas que as do fim de semana. À tarde, faz calor nos três estados. A partir da tarde, uma frente fria começa a avançar para o Rio Grande do Sul, mas o sistema é fraco e gera mais nuvens do que chuva. Chove no sudoeste gaúcho de maneira fraca a moderada, sem intensos temporais, mesmo assim não se descartam descargas elétricas e rajadas de vento. A noite esfria nas áreas mais ao sul do Rio Grande do Sul, conforme o vento muda de direção.

Terça-feira

SUL

A frente fria segue seu avanço pela costa da região Sul e, apesar de não provocar temporais generalizados, há risco para chuva forte no norte e oeste do Paraná na terça-feira à tarde. Antes, o sistema espalha nuvens e chove de maneira fraca a moderada pela metade norte do Rio Grande do Sul, por Santa Catarina e para o sul e leste do Paraná. As temperaturas entram em queda, pois os ventos passam a soprar do quadrante do sul.

Quarta-feira

SUL

A frente fria se afasta completamente do continente e não afeta mais o tempo na região Sul. Porém, dois sistemas relacionados à pressão atmosférica provocam chuvas de formas distintas. Venta bastante, com rajadas que podem chegar a 80 km/h inclusive, em Porto Alegre. No oeste da região Sul, quem atua é uma área de baixa pressão que se formou no interior do continente. Este sistema provoca temporais com raios e até risco de granizo no oeste do Paraná já pela manhã, avançando para o oeste gaúcho e para o leste de Santa Catarina e do Paraná no decorrer do dia. Há risco para alagamentos em Curitiba, que tem chuva fraca desde o início do dia e depois chuva forte a partir da tarde.

Fonte: Canal Rural / Jornal Oeste Popular SC
Imagens
Comentários