Sicredi estimula liderança comunitária
Terça, 26 de Setembro de 2017 às 16:10
Oportunizar os associados e estimular o envolvimento nas atividades do Sicredi como Cooperativa de Crédito é uma das intenções do Programa de Formação de Liderança na Comunidade – Crescer realizado pelo Sicredi Região da Produção RS/SC. Desenvolvido pelas quatro agências de Chapecó, o Percurso 1 apresenta os conceitos básicos do cooperativismo e o funcionamentos das cooperativas, enquanto o Percurso 2 compartilha decisões e resultados dos associados e futuros candidatos a coordenação de núcleos que desejam conhecer mais sobre a presença do Sicredi na comunidade.

“A intenção é que o grupo compreenda um pouco mais sobre o cooperativismo, quais são as sociedades cooperativas que existem no Brasil, o cooperativismo de crédito, a estrutura e governança do Sicredi, desde as assembleias e as empresas que compõem o sistema”. Explica a ideia da proposta realizada nas quatro agências de Chapecó, o gerente da agência do bairro Santa Maria, Cleidir Faller.

O programa foi aplicado em dois módulos. O primeiro no dia 5 e o segundo em 20 de setembro com a entrega de certificado de conclusão do percurso II. As atividades foram conduzidas pelo gerente em conjunto com a coordenadora administrativa financeiro, Cintiana Pagno. O grupo de 12 pessoas foi composto por associados interessados e ofertado gratuitamente. “Pensando no desenvolvimento do bairro aplicamos o programa e a certificação os habilita a serem os representantes do Sicredi na comunidade”, explica Faller.

Acrescenta que, posterior a conclusão do programa, os participantes ficam elegíveis e propensos a assumir o cargo de coordenadores de núcleo. “Serão líderes eleitos para representar o Sicredi na comunidade de área de atuação da agência do bairro Santa Maria. Contamos com dois núcleos que representam os mais de 1.600 associados levando sugestões, apontamentos e melhorias dos serviços”, considera o gerente ressaltando que todos podem participar e que tenham interesse em conhecer o cooperativismo na essência. “O líder ouvirá as necessidades da comunidade, trará as sugestões de melhorias e também terá papel fundamental por representar os demais associados nas assembleias”.

CONDIÇÕES X ATRIBUIÇÕES

Para participar do Programa Formação de Liderança na Comunidade - Crescer o associado não poderá exercer cargo ou função política, não estar impedido por lei, não apresentar grau de parentesco com membros do Conselho de Administração ou Fiscal, da Diretoria Executiva ou ter vínculo empregatício na cooperativa de crédito. Também é necessário utilizar os produtos da cooperativa. Sobre as atribuições do coordenador de núcleo é fundamental mobilizar, coordenar e representar; participar de reuniões da unidade de atendimento, de assembleias, e outros eventos relacionados ao núcleo.

Em sua explanação, Faller também elencou algumas características do líder sendo fundamental ter empatia, saber administrar conflitos e lidar com as diferenças, ouvir, saber compor ao invés de impor, ter respeito e aproximar-se.

COOPERATIVISMO É O CAMINHO

Como diz o ditado popular sozinho vamos mais rápido, juntos vamos mais longe, o associado Adão Antônio da Silva Silveira vê no cooperativismo o caminho para um futuro mais promissor. Associado no Rio Grande do Sul mudou-se para Florianópolis e continuou na lista da cooperativa. Atualmente em Chapecó, Adão é associado há 12 anos no Sicredi e vislumbra oportunidades. “Vi como funcionava o sistema de cooperativa e para mim hoje é o caminho, além de oferecer serviços mais em conta dá oportunidades de compartilhar os lucros, o que nos bancos privados você não dispõe. As cooperativas só tendem a crescer”.

O empresário Vanderlei Durante, da Tojo Cozinha Oriental, compartilha o mesmo pensamento. “Acredito que no cooperativismo é muito mais fácil conseguir crescer, sozinho você não consegue fazer nada. O cooperativismo vem para somar, por exemplo, as grandes cooperativas são consolidadas pelos associados que participam e têm retorno e voto de liderança, conseguem acompanhar. Isso é muito importante e em outras instituições financeiras não tem essa abertura”, destaca, sinalizando o cooperativismo como uma forma essencial. “A cooperativa é a união de todas as forças, quanto mais pessoas mais recursos têm, melhores taxas e com isso crescemos juntos. Por isso optei pelo cooperativismo.”
Assessoria de Imprensa
Imagens
Comentários